Após SINSP denunciar que professora espera há mais de um ano por declaração, servidores revelam experiência semelhantes

POR SINSP/RN, 09/06/2021

Contamos aqui que uma professora do Estado, moradora de Mossoró, está há mais de um ano tentando ter acesso a uma declaração com a 12ª Direc para poder, enfim, dar início ao processo de aposentadoria que já tem direito. A conversa com a servidora aconteceu no dia 1° de junho e desde então outros funcionários expuseram, além do desejo de melhoria na situação, suas experiências próprias.

Veja abaixo relatos de servidores nas redes sociais:               

Relembre o caso:

Uma professora do Estado, moradora de Mossoró, está há mais de um ano tentando ter acesso a uma declaração com a 12ª Direc para poder dar início ao processo de aposentadoria, mas segundo ela a Diretoria Regional informou que ela tem de se deslocar para Natal para conseguir o documento. E isso em meio a uma devastadora pandemia.

“Entrei com um requerimento, ano passado, pedindo uma certidão de tempo de serviço para fins de aposentadoria…O diretor da escola que trabalho, disse que eu precisaria das declarações das escolas onde eu havia trabalhado. Só que a primeira escola já foi extinta. Então o pessoal da Direc de Mossoró, disse que eu precisaria ir a Natal pra pegar essa declaração”, informou a servidora que tem 31 anos prestados ao Estado.

“Pra que servem as regionais do interior? Não trabalhei em Natal… Não acho justo que uma regional não tenha autonomia pra emitir uma simples declaração ao servidor”, analisou.

Saiba mais:

12ª Direc: professora tenta há mais de um ano uma declaração para se aposentar

Com mais de 120 mil casos de Covid-19 no RN, 12ª Direc de Mossoró obriga servidores ao trabalho presencial

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca