Durante o recesso na Educação as escolas devem estar fechadas

POR SINSP/RN, 01/04/2021

Apesar da Educação do RN está em recesso desde segunda-feira (29), sem nenhuma aula sendo ofertada, nem remotamente, ainda têm escolas abrindo as portas e exigindo que o servidor saia de casa e vá ao local de trabalho, sem nenhuma necessidade. Se não tem aula, se está em recesso qual o motivo da presença dos servidores?

A Secretaria de Educação deve fechar as escolas! Não apenas determinar o recesso e deixar que gestores sigam desrespeitando medidas sanitárias. O que uma meredeira ou um funcionário do administrativo vai fazer durante o recesso nas escolas? Nada!

Ninguém deve ser obrigado a sair de casa e arriscar a sua vida e de seus familaires. O recesso tem que fechar as escolas imediatamente!

Não há serviço essencial em escolas e o trabalho pode e deve ser feito de maneira remota, como está previsto no Decreto n° 30.419, de 17 de março de 2021. O servidor vai trabalhar de casa, protegendo-se do piro momento da saúde que o RN passa.

Exigir a presença dos servidores nas escolas, onde não há trabalho para se fazer durante a pandemia é assédio moral por parte dos diretores e da secretaria de Educação!

Saiba mais:

Servidora relata desespero de ser obrigada a pegar ônibus lotado apesar do Decreto de lockdown

Gestão da Escola Professor Antônio Fagundes estão pressionando servidores a não trabalhar remotamente

Escola Eliseu Viana, da 12ª Direc, segue atendendo público externo e coloca em risco a população de Mossoró

Gestores da Escola Eliseu Viana esclarecem que servidores estão trabalhando remotamente

Direção da Escola Severino Bezerra convoca alunos e coloca cidade de Tangará em risco

Escola Aldo Fernandes: duas servidoras são contaminadas enquanto trabalhavam

Mesmo após Portaria, direção da Escola Roberto Rodrigues Krause mantém trabalho presencial de servidores

Diretora da Escola Rômulo Wanderley obriga servidores a trabalharem presencialmente

Professora chama de “insanidade” o fechamento das escolas e diz que funcionários deveriam ir ao trabalho para lavar banheiros durante a pandemia

Diretora da Escola Calpúrnia Caldas volta atrás e vai obrigar servidores a trabalhar presencialmente

Diretora de Escola em Umarizal obriga funcionários a trabalhar durante pandemia

Após contato com o SINSP, diretora de escola de Caicó recua e se compromete a respeitar Portaria

SINSP visita Escola Aldo Fernandes, comprova que gestores não respeitam decreto do Estado e põe saúde de servidor em risco

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca