Janot prende Joesley e solta o Temer

POR Conversa Afiada

Desmoralizar a delação da JBS é o salvo-conduto do ladrão presidente
O ansioso blogueiro já antecipou a linha de defesa do Dr Mariz, advogado do ladrão presidente.

Foi no programa Contraponto, do Ricardo Melo.

É o que se confirma (no blog do vencedor do troféu Conexões Tigre):

Delatores da JBS chegam à PF

Joesley Batista e Ricardo Saud, cuja prisão foi decretada pelo ministro Edson Fachin por violação do acordo de colaboração premiada, se entregaram na sede da Superintendência Regional da Polícia Federal em São Paulo.

Saud foi o primeiro a chegar. Por volta de 14h, Joesley chegou. Ambos chegaram à PF em carros particulares.

A prisão dos delatores foi ordenada por Fachin a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. O ministro acolheu parcialmente o requerimento do procurador porque não mandou prender outro personagem desse novo capítulo do caso JBS, o ex-procurador da República Marcelo Miller – sob suspeita de fazer jogo duplo em favor do grupo empresarial.

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca