Nova plataforma apresenta dados sobre educação básica no Brasil de maneira simples

Da Redação

A partir desta terça-feira (6) é possível acessar informações compiladas sobre a educação básica brasileira em uma plataforma de fácil consulta e gratuita.

O portal QEdu, criado pela Fundação Lemann e a empresa startup Meritt Informação Educacional, traz dados do censo escolar de 2010, do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e da Prova Brasil 2009, publicados pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais).

O objetivo do portal é permitir que qualquer pessoa tenha informações sobre o nível de aprendizado do aluno brasileiro, a condição das escolas e dos profissionais que nela trabalham e possa fazer comparações. O acesso é gratuito e não é necessário cadastro.

“Ainda que o Brasil tenha muitos dados educacionais disponíveis, eles não são amplamente divulgados ou efetivamente utilizados pelos gestores”, enfatiza Denis Mizne, diretor executivo da Fundação Lemann.

Atualmente, o portal reúne informações sobre o nível de aprendizado de alunos em 57 mil escolas públicas brasileiras. Por meio dele, é possível comparar o desempenho dos estudantes de diferentes cidades ou de diferentes escolas e, assim, saber por exemplo como se saíram os alunos do 9° ano da escola vizinha a sua casa.

A ferramenta traz também as condições de infraestrutura, acessibilidade e acesso à internet de 250 mil escolas do país, entre públicas e privadas. Acesse as informações atraves do site www.qedu.org.br

“Queremos fornecer informações que possam servir aos pais, por exemplo, para que cobrem melhor qualidade de ensino na escola de seus filhos”, exemplifica o diretor da Meritt Alexandre Oliveira.

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca