Os secretários e os cargos comissionados são os únicos funcionários que realmente recebem os salários adiantado

POR SINSP/RN

Os Secretários e os cargos comissionados no Governo do Rio Grande do Norte, nomeados em janeiro no início da gestão da governadora Fátima Bezerra, estão recebendo o adiantamento salarial de 30% no meio de cada mês, além de estarem com os salários em dia em relação a todos os funcionários efetivos do estado.

No acordo salarial, assinado pelo Governo do RN com as entidades sindicais e associativas que compõem o Fórum dos Servidores Públicos do Estado do RN, feito no início do ano, nenhuma das antecipações previstas incluíam os servidores ativos cujos respectivos vencimentos não estão em atraso. Enquanto isso, os secretários de estado e os comissionados recebem no dia 15 de cada mês a primeira parcela do salário (ou sua totalidade, a depender da faixa salarial).

O privilégio dado aos secretários e os comissionados é um absurdo diante do cenário enfrentado pelos trabalhadores, que ainda estão com os salários atrasados (parte de novembro de 2018, além de dezembro e o 13º também de 2018) e devendo as contas de água, luz, cartão, telefone, além da falta de dinheiro para comprar comida e remédios. Isso faz com que muitos trabalhadores optem a fazer empréstimos com agiotas ou consignados, na tentativa de quitar suas dívidas ou colocar comida em casa pra sua família.

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca