Pagamento das Horas Suplementares dos Tutores (professores) do Programa Pro funcionários

Da Redação

Durante a manha desta segunda-feira (19), os diretores do SINTE Janeayre Souto, Larrúbia Tavares e Anselmo Pamplona, foram a SEEC.

O objetivo da visita a SEEC foi de procurar algumas informações para os trabalhadores em educação.

O governo do estado assumiu o compromisso com o pagamento dos dois últimos meses trabalhados e ainda não pagos aos tutores (professores) do Pro funcionário seriam pagos no pagamento do mês de outubro.

Chegou o pagamento de outubro, novembro e o pagamento não saiu. Nós procuramos na manhã desta segunda-feira (19), o setor de pessoal da SEEC a COAPRH e foi informado que o referido pagamento tinha sido autorizado.

Saímos da SEEC e fomos para a SEARH conferir essa informação. Ao chegar na SEARH tomamos conhecimento de que o pagamento realmente tinha sido implantado na folha de pessoal do mês de dezembro, porém esse pagamento ainda não tinha sido autorizado.

Voltamos no turno vespertino a procurar essa informação da SEARH e a informação era a mesma, a Secretaria de Planejamento ainda não tinha autorizado esse pagamento.

Amanhã voltaremos a SEARH para cobrar que esse pagamento seja realizado agora no mês de dezembro e não entre para o exercício findo. Esse descaso do governo estadual com esse programa é um absurdo, desabafa a dirigente do SINTE.

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca