Reforma é pautada. O servidor deve reagir ou sentirá efeito no bolso!

Confira!

Gostaria de chamar a sua atenção para algo decisivo=, na minha , na sua vida, servidor público. É agora ou nunca!

terça-feira, dia 22é o grande dia, será colocada em votação a Refroma da previdência em nosso estado, a famigerada PEC da Morte que está sendo articulada na surdina e de forma traiçoeira pelo Governo do Estado, o líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado George Soares, e o presidente deputado Ezequiel Ferreira de Souza. GOVERNO DO RNJANEAYRE SOUTONÃO À PEC DA MORTENÃO À REFORMA DA PREVIDENCIANÃO À TAXAÇÃO DOS APOSENTADOS E PENSIONISTASNÃO AO CONFISCO DE PARTE DOS SALÁRIOS DOS SERVIDORESSINSP

Assista ao vídeo

E você servidor, tem duas opções: se acomodar e lá na frente sentir os efeitos da famigerada PEC da Morte no seu bolso e na sua vida ou reagire lutar agora, junto consoco. Não dá para se conformar com uma Reforma de Previdencia que consegue ser mais cruel e mais perversa quea de Bolsonaro por que traz o aumento da alíquota e taxação dos servidores aposentados que hoje são isentos de pagar a previdência.

Veja bem, você servidor do estado que se encontra há mais de 11 anos sem um centavo de reajusta ou revisão da inflação do ano anterior.  Isso sem falar de 02 folhas de salários atrasadas. Um servidor que recebe R$ 1.200,00 , na alíquota federal de 7,5% significa  R$ 90,00, a liquota de 12%, R$ 144,00.  Sendo R$ 54,00 a mais, isso é justo? Ao aposentado e pensionista, veja só: se você receber até R$ 6.100,01,  na previdência federal é 0% de alíquota, você não vai pagar nada. Já na PEC da Morte traz uma pegadinha, você vai pagar 14%. O governo do estado vai subtrair, retirar, vai confiscar do seu salario R$ 504,00.

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca