Servidor deve ficar atento contra enganações na luta jurídica pela implantação dos 70% do PCCR

Da Redação

Cuidado, voce pode estar sendo enganado!

A direção do SINSP, através de sua assessoria jurídica, vem dando andamento na ação judicial em busca da implantação dos 70% do PCCR no contracheque dos servidores da administração direta do estado. Esse mês, o Sindicato está comemorando a implantação dos 70% para mais de uma centena de servidores. Porém, a entidade sindical chama a atenção dos servidores para não ser enganado para esta luta pelos seus direitos no campo de batalha jurídico.

Tem sido oferecido a categoria todo tipo de ação com resultados desastrosos na conquista dos seus direitos. “O servidor deve ficar atento para não ser enganado, pois temos nos deparado com todo o tipo de percentual cobrado por outros advogados e procedimentos jurídicos que conduzem a erros desastrosos na luta jurídica dos trabalhadores ”, afirmou a Presidenta do SINSP, Janeayre Souto.

Portanto, a direção do SINSP/RN chama a atenção do servidor para o problema. O Sindicato orienta para que, na hora da entrega da sua papelada para essa ação, o servidor deve verificar quais os procedimentos jurídicos adotados para que não seja enganado. È preciso se cercar de cuidados para saber se o advogado dará conta de sua ação em 1° e 2° Graus, pois essas informações são de extrema importância para a categoria.

A luta do SINSP/RN pelos direitos dos servidores tem sido incessante com cerca de 2.800 ações já foram ajuizadas em 1° e 2° Graus no Tribunal de Justiça do RN. Em 2° Grau têm sido ajuizadas as ações para que se implantem de imediato os 70% no contracheque e no 1° Grau o ajuizamento da ação se refere ao atrasado a que cada servidor faz juiz.

Todos os servidores que acessarem a consulta processual sejam de 1° e 2° Graus, poderá acompanhar ONLINE o desenrolar do seu processo. Quem acessar a consulta de 1° Grau terá acesso ao cálculo do benefício, ou seja, ao valor que o estado deve ao servidor da data da publicação da Lei Complementar 432/10, em julho de 2010, até a data do ajuizamento da ação para implantação dos 70% do PCCR. O SINSP tem zelo e responsabilidade por todas as ações judiciais.

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca