SINSP não acha justo reajuste de apenas 4,5% para menores salários só em março de 2022

POR SINP/RN, 22/11/2021

A proposta apresentada pelo governo na reunião desta segunda-feira (22) segue com o menor salário do funcionalismo do Estado em R$ 1.265,00, o que representa apenas 4,5% de reajuste do salário mínimo que deve entrar em vigor em janeiro de 2022, no valor de R$ 1.210,00. O SINSP quer que o reajuste seja de, no mínimo, 15% para todos os servidores ativos e aposentados, assim como a governadora Fátima Bezerra anunciou para toda a categoria no dia 28 de outubro desse ano. O governo deu a negociação como encerrada.

Para o controlador Geral do Estado, Pedro Lopes, e o subsecretário de Recursos Humanos, José Ediran, o SINSP apresentou a proposta para que seja respeitado o comunicado da governadora Fátima Bezerra, reajustando para todos os servidores pelo menos 15% de seus vencimentos, sendo o menor salário do funcionalismo no valor de R$ 1.391,50.

A manifestação do sindicato se dá pela afirmação da governadora Fátima Bezerra de que os salários dos servidores seria reajustado em 15% a partir do primeiro quadrimestre de 2022. Não há explicação e não é nada justo que os que recebem os menores salários tenham o menor reajuste. 4,5% é mais de três vezes menor que os 15% anunciado pelo governo.

“Não podemos concordar com essa proposta. Esse mesmo governo que quer dá 4,5% para os menores salários, está propondo reajuste de 50%, 60 até 80% para outras categorias, o que se comprova que esse é um governo que só olha para elite salarial dos servidores. Nós que estamos há 12 anos sem reajuste ou revisão da inflação do ano anterior, não podemos concordar com essa ação injusta que o governo da professora Fátima Bezerra propõe para os mais humildes”, afirmou a presidenta do SINSP, Janeayre Souto.

Saiba mais:

Governadora Fátima Bezerra promete 15%, mas quer que menores salários tenham só 4,5% de reajuste

Governo deve incorporar gratificações para todos e não apenas uma ou outra secretaria

Governo quer quase dobrar salário de alguns, mas empurra apenas 4,5% para os mais pobres

SINSP não aceita reajuste de apenas 4,5% para os menores salários

Negociação: governo apresenta proposta que rasga Plano de Carreira dos servidores e promete melhorar tabela até próxima terça-feira

Com 1,9 bilhão extra, governo tem condição de aumentar salários com percentual digno aos servidores

Reajuste: SINSP vai se reunir para negociar com secretária de Administração e Controlador Geral do Estado nesta sexta-feira

Reajuste: SINSP Não concorda com percentual de 15% proposto pelo governo e solicita à SEAD prosseguimento da negociação

Secretário de Educação confirma ao SINSP que ouviu de governadora Fátima Bezerra que anúncio do reajuste será dia 28

Governo promete ao SINSP que anunciará reajuste de servidores no dia 28 de outubro

Leia o informativo do SINSP da Campanha Salarial 2021

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca