SINSP/RN cobra relatório de auditoria na folha de pagamento

A direção do SINSP/RN protocolou no dia 02/03 ofícios encaminhados ao Governador Robinson Faria, à Chefe da Casa Civil, Tatiana Mendes Cunha, ao secretário de Administração e dos Recursos Humanos, Marcelo Marcony Leal de Lima, secretário de Planejamento e das Finanças, Gustavo Maurício Filgueiras Nogueira, a apresentação do relatório da auditoria realizada na folha de pagamento dos servidores estaduais realizada pela empresa Deloitte. A solicitação do Sindicato está baseada na Lei Federal nº 12.527, de 18 de novembro de 2011 que regula o acesso as informações públicas.

 

Segundo informação postada no Portal do Governo do Estado (veja aqui a matéria) os trabalhos de auditagem começaram no dia 13/01/2015, ou seja, há mais de um ano sem que fosse efetivamente publicado o andamento da apuração. O cronograma inicial previa que a auditoria iria durar apenas 180 dias com a apresentação de um relatório final que teria o objetivo de corrigir distorções que por ventura possam existir na folha de pagamento do Estado.

 

A economia na folha de pagamento prevista poderia chegar a 6% ao fim do trabalho de auditoria. Porém, até o presente momento, o Governo do Estado ainda não apresentou um diagnóstico e um plano de ação que possibilitará ao Estado eliminar inconsistências na folha de pagamento e investir mais, inclusive na valorização dos servidores.

 

Atualmente duas empresas foram contratadas pelo Governo do Estado para trabalhos direcionados à diminuição dos gastos. A empresa Deloitte para averiguar a legalidade de pagamentos de aposentados e pensionistas, além da discriminação sobre quais servidores, de fato, estão prestando serviços ao estado. Além disso, outra empresa foi contratada para estudar uma reforma administrativa no Executivo, onde haverá cortes de secretarias e a otimização dos serviços.

 

FONTE: site do SINSP

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca