SINSP/RN luta pelo fortalecimento da Escola de Governo Cardel Dom Eugênio de Araújo Sales

DIreção do sinsp solicita aumento da oferta da demanda para atender aos servidores estaduais

A direção do SINSP/RN está em uma cruzada pelo fortalecimento da Escola de Governo do RN. Em nova audiência com a direção da Escola realizada no dia 16/10, os dirigentes sindicais cobraram a devolução das instalações ocupadas pelo Ciosp – Centro Integrado de Operações de Segurança Pública e a oferta de mais vagas e cursos de qualificação oferecidos.

O SINSP/RN denuncia que metade da Escola de Governo está ocupada indevidamente pelo Ciosp. A data limite para a devolução das instalações foi marcada para 30 de agosto de 2014, porém até o presente momento nada foi realizado pelo Governo Estadual para realizar a transferência.

Na prática a presença do Ciosp inviabiliza os projetos da Escola de Governo. As instalações ocupadas foram criadas para servir de apoio a qualificação dos servidores, porém, ao invés disto, a estrutura montada pelo Ministério da Segurança e a Sesed – Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social serve de centro de gerenciamento de crises.

O Ciosp é um dos legados da realização da Copa do Mundo na Cidade do Natal/RN que funcionou como o “cérebro” da segurança e defesa durante o evento esportivo. Estima-se que foram investidos R$ 80 milhões em equipamentos. O SINSP/RN lembra que a instalação do Ciosp é de caráter provisório, pois foi uma contrapartida do estado para instalar o Centro.

Para a direção do SINSP/RN a Escola de Governo é mantida com recursos captados dos servidores do estado. Os sindicalistas afirmam que não é justo que as instalações sejam cedidas para algo que não seja a qualificação da categoria. São 12 mil servidores beneficiados pela Escola de Governo.
A direção da Escola de Governo a firmou que não tem poderes para cobrar a devolução. Cabe as secretarias que estão subordinadas a efetividade da decisão. Porém foi informado que o Governo do Estado está a procura de um local melhor adequado para receber as instalações do Ciosp. A direção do SINSP/RN vai encampar esta luta até que a Escola de Governo seja efetivamente devolvida aos servidores.

Em outro pleito, a direção do SINSP/RN ainda cobrou a ampliação na oferta de cursos de qualificação e maios disponibilidade de vagas aos servidores nas qualificações desenvolvidas na Escola de Governo.

Foi informado pela representação da Escola de Governo que no dia 20 de novembro será realizado o Fórum de Recursos Humanos na Escola de Governo. O evento permitirá que os gestores públicos do estado possam discutir e viabilizar cursos a partir dos encaminhamentos realizados pelos próprios servidores.

Ainda foi repassado aos dirigentes sindicais que a previsão de novos cursos na Escola de Governo para o próximo semestre quando terá inicio novo exercício financeiro. Serão abertas 100 turmas para cursos de extensão de educação  a distância pelo convênio com a Fundação Getúlio Vargas. As inscrições para os mesmos serão abertas ainda neste ano.

O SINSP/RN ficará tento para divulgar para a categoria a programação e abertura de inscrição dos cursos. Porém o servidores pode também fazer a sua parte acessando o site da Escola de Governo do RN pelowww.escoladegoverno.rn.gov.br para ter conhecimento sobre os cursos oferecidos informar a necessidade de mais cursos de qualificação.

FONTE: SINSP
error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca