Solicitação para suspensão de consignados vai iniciar na quarta-feira

POR SINSP/RN, 22/06/2020

Por motivos técnicos, a solicitação da suspensão das parcelas de consignados que estava prevista para ter início até amanhã, terça-feira (22), deve começar somente na quarta (24). Conforme já divulgado pela Secretaria de Estado da Administração e pelo SINSP, a solicitação do benefício será feita na plataforma RN Consig, sistema próprio de consignações do Governo do RN. O servidor deverá fazer login no sistema, informando CPF e senha, que está disponível no contracheque do servidor cujo acesso pode ser feito no portal do Banco do Brasil. O portal do RN Consig é o http://consig.rn.gov.br

As orientações da suspensão, no entanto, seguem as mesmas: a solicitação vai acontecer somente de forma on-line, em razão do decreto estadual que orienta o isolamento social, e as parcelas que ficarem em aberto durante este período deverão ser acrescidas ao final do contrato, sem a incidência de juros ou multas.

Alerta

O servidor interessado na suspensão temporária da cobrança do empréstimo consignado deve estar ciente que terá responsabilidade exclusiva nos eventuais encargos financeiros incidentes sobre a operação decorrente da suspensão. Por isso, antes de aderir aos benefícios da Lei a partir da solicitação, é importante estar atento.

Entenda

Na última quarta-feira, dia 17, o SINSP cobrou agilidade do Governo do RN nas providências da imediata aplicação da Lei, aprovada pela ALRN no início da semana. Ela suspende por até 180 dias a cobrança, pelas instituições financeiras, do desconto do crédito consignado feito por servidores públicos estaduais ativos, aposentados e pensionistas.

Leia as outras matérias:

Servidor deve solicitar suspensão de consignados por meio do RN Consig

SEAD diz que solicitação para suspensão de consignados deve iniciar na próxima terça

SINSP cobra agilidade do Governo na aplicação da lei que suspende cobrança de consignados

Atenção: antes de solicitar suspensão de consignados, servidor deve estar alerta sobre responsabilidade em eventuais encargos financeiros

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca