ALRN aprova suspensão de desconto dos consignados e Governo do RN precisa viabilizar benefício o mais rápido possível

POR SINSP/RN, 17/06/2020

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte aprovou uma lei que suspende, por até 180 dias, a cobrança, pelas instituições financeiras, do desconto do crédito consignado feito por servidores públicos estaduais. Agora, resta ao Governo do RN, por meio da Secretaria de Administração do Estado, providenciar o mais rápido possível os mecanismos que viabilizem esse benefício aos servidores que desejarem, conforme descrito na lei. Além disso, o executivo precisa dar publicidade ao novo direito para informar os servidores.

Pela iniciativa, o SINSP parabeniza o deputado estadual Coronel Azevedo e o presidente da Casa Legislativa Ezequiel Ferreira e lamenta que a governadora Fátima Bezerra tenha feito vista ‘vista grossa’ ao pleito dos servidores e do sindicato de sentar com os bancos e negociar a suspensão das parcelas dos consignados diante de um cenário de caos e fragilidade.

Informamos ainda que os servidores ativos, aposentados ou pensionistas que tiverem interesse na suspensão, devem formalizar o interesse à Secretaria de Administração do Estado, indicando nome, RG, CPF, matrícula, lotação, prazo da suspensão e termo que se responsabiliza por eventuais encargos financeiros.

Lembramos que as parcelas que ficarem em aberto durante este período, deverão ser acrescentadas ao final do contrato, sem juros ou multas.

Consignados.jpeg

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca