Governo substitui servidores por bolsistas e paga altos salários através da FAPERN

POR SINSP/RN, 06/11/2020

O governo segue substituindo os servidores do quadro de cargos efetivos do Estado do Rio Grande do Norte. Seguindo o rumo de prejuízo ao serviço público, a FAPERN, órgão de apoio à pesquisa do Estado, lançou editais para contratar mais de 100 bolsistas que vão substituir servidores na Sesap, no Idema e na área de TI da UERN.

Bolsistas são pessoas graduadas em diversas áreas, como: Serviço Social, Psicologia, Pedagogia, Enfermagem, Ciências Sociais, Saúde Coletiva, Saúde Pública, Direito, Geografia, Engenharia Ambiental, Administração, e muitas outras. Os salários costumam ser bem mais altos que pagos aos servidores do Estado e muitas vezes também maiores que os pagamentos praticados no mercado privado. No caso da Fapern, o salário pode chegar a R$ 5.500,00.

SAIBA MAIS…

EDITAL SESAP/FAPERN Nº 09/2020 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA O PREENCHIMENTO DE VAGAS RELATIVAS ÀS BOLSAS DE PESQUISA E INOVAÇÃO

Esse número exagerado de bolsistas é uma confirmação do plano de governo da gestão Fátima Bezerra: a troca do dos servidores efetivos por cargos comissionados, estagiários, terceirizados e também os bolsistas.

O SINSP exige que o governo do RN priorize a realização de concurso em detrimento à contratação de mais terceirizados, como forma de melhorar o serviço público e também aumentar a arrecadação, uma vez que colocaria mais trabalhadores no sistema previdenciário.

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca