Justiça Federal determina que bancos suspendam cobrança de consignados por quatro meses

POR SINSP/RN, 21/04/2020

Em meio à pandemia do COVID-19,  a Justiça Federal de Brasília decidiu que os bancos devem suspender o débito dos consignados nos contracheques dos servidores aposentados por quatro meses, tanto para os aposentados do INSS quanto para os do serviço público. As regras valerão para todo o Brasil.

SAIBA MAIS…

SINSP cobra do Governdo do RN diálogo com bancos para suspensão de empréstimos consignados

No Rio Grande do Norte, o Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Direta do Estado já encaminhou, desde o dia 13 de abril, três ofícios ao Governo do RN solicitando que a equipe executivo estadual dialogue junto às instituições bancárias a suspensão, pelo período de três meses, dos repasses financeiros referentes aos empréstimos consignados contraídos pelos servidores estaduais em razão da pandemia mundial que afeta os trabalhadores públicos ativos, aposentados e pensionistas. Até o momento, o SINSP ainda não obteve respostas.

Os ofícios foram encaminhados à governadora Fátima Bezerra e também aos secretários de Planejamento da Administração do Estado, José Aldemir Freire e Maria Virgínia Ferreira Lopes, respectivamente. 

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca