Prêmio Jovem Cientista divulga resultados de sua XXV edição

Da Redação

Com recorde de inscrições e o tema “Cidades Sustentáveis”, iniciativa ofereceu R$ 600 mil em prêmios, incluindo as bolsas concedidas pelo CNPq

Estudantes do Rio de Janeiro, São Paulo, Paraíba, Minas Gerais, Tocantins e Distrito Federal estão entre os contemplados da XXV edição do Prêmio Jovem Cientista, que comemora em 2011 seus 30 anos de existência. O anúncio dos vencedores foi feito hoje em Brasília, na sede do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Com o tema “Cidades Sustentáveis”, as linhas de pesquisa este ano abordaram questões ligadas à sustentabilidade nas metrópoles, como planejamento urbano e qualidade de vida, gestão de águas e resíduos, políticas de mobilidade, agricultura urbana e impactos de mudanças climáticas.

A XXV edição bateu um novo recorde de inscrições – 2.321 trabalhos, um crescimento de 7% em relação ao ano passado, quando já havia superado os números dos anos anteriores – e ofereceu R$ 600 mil em prêmios, incluindo as bolsas de pesquisas concedidas pelo CNPq. Além disso, contou com uma novidade: o kit pedagógico do prêmio, voltado para professores do ensino médio e criado para estimular o diálogo sobre o tema desta edição em sala de aula, foi apresentado e discutido em 11 oficinas ministradas por educadores formados especialmente para essa função, em dez estados brasileiros.

Os vencedores receberão o prêmio das mãos da presidente Dilma Rousseff, em cerimônia que será realizada no dia 6 de dezembro, no Palácio do Planalto, em Brasília.

CONHEÇA OS VENCEDORES DA XXV EDIÇÃO DO PJC

Categoria Graduado

1º lugar

 

Uende Aparecida Figueiredo Gomes – Minas Gerais

Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG

Orientador: Leo Heller

Título da pesquisa: “Intervenções de saneamento básico em áreas de vilas e favelas: Um estudo comparativo de duas experiências na Região Metropolitana de Belo Horizonte”

2º lugar

 

Karin Regina de Casas Castro Marins – São Paulo

 

Universidade de São Paulo – USP

Orientador: Marcelo de Andrade Romero

Título da pesquisa: “Ferramenta computacional para planejamento de cidades limpas e energeticamente eficientes”

3º lugar

 

Alejandra Maria Gomez Jimenez – Distrito Federal

 

Universidade de Brasília – UnB

Orientador: Marcio Muniz de Farias

Título da pesquisa: “Estudo experimental de um agregado reciclado de resíduo de construção e demolição (RCD) para utilização em pavimentação”

Categoria Estudante do Ensino Superior

1º lugar

 

Kaiodê Leonardo Biague – Minas Gerais

Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix

Orientador: Rogério Mori de Sena

Título da pesquisa: “Mini usinas solares fotovoltaicas em sistemas de transporte rápido por ônibus – BRT (BUS RAPID TRANSIT)”

2º lugar

 

Cibele Rosa Oliveira – São Paulo

 

Universidade de São Paulo (USP)

Orientador: Adilson Roberto Gonçalves

Título da pesquisa: “Diminuição do impacto ambiental dos resíduos sólidos municipais: Caracterização e quantificação de filmes plásticos rejeitados na reciclagem comercial e sua utilização em biocompósitos”

3º lugar

Sâmara Íris de Lima Santos – Paraíba

 

Universidade Federal de Campina Grande (UFCG)

Orientador: Xisto Serafim de Santana de Souza Júnior

Título da pesquisa: “Mapeamento da violência urbana em Campina Grande: Tendências e desafios em busca da cidade sustentável”

Categoria Estudante do Ensino Médio

1º lugar

 

Ana Gabriela Person Ramos – São Paulo

Escola Técnica Estadual Conselheiro Antônio Prado – ETECAP Campinas

Orientador: Érica Gayego Bello Figueredo Bortolotti

Título da pesquisa: “Embalagens ecológicas para mudas”

2º lugar

 

Beatriz Ferroli Cavalcante – Tocantins

 

Centro Educacional de Palmas

Orientador: Roberto Souza Oliveira

Título da pesquisa:“Cortina verde sustentável nas escolas públicas de Palmas”

3º lugar

Marina Jardim Faria de Araújo – Rio de Janeiro

 

Colégio Anglo-Americano de Volta Redonda

Orientador: Robson Paulino da Silva

Título da pesquisa: “Desenvolvimento de uma composteira em ambiente aeróbio/anaeróbio”

Categoria Mérito Institucional

Ensino Médio

Instituição: Colégio Stella Maris – Rio Grande do Sul

Diretor: Zóile Cecília Herrmann

Ensino Superior

Instituição: Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) – Minas Gerais

 

Reitor: Clélio Campolina Diniz

Categoria MENÇÃO HONROSA

Dr. Lázaro Valentin Zuquette

Instituição: Universidade de São Paulo (USP) – São Paulo

Premiação

Na categoria Graduado, os vencedores são agraciados com R$ 30 mil (1º lugar); R$ 20 mil (2º lugar) e R$ 15 mil (3º lugar). Para Estudantes do Ensino Superior, os valores são de R$ 15 mil para o 1º lugar, R$ 12 mil para o 2º lugar e R$ 10 mil para o 3º lugar. Estudantes do Ensino Médio classificados em 1º, 2º e 3º lugares recebem um laptop de última geração cada.

No Mérito Institucional, serão pagos R$ 35 mil para cada uma das duas instituições – uma de ensino médio e outra de ensino superior – que tiveram o maior número de trabalhos com mérito científico inscritos. O pesquisador que for indicado para a Menção Honrosa ganhará R$ 20 mil.

Além da premiação relacionada, todos os contemplados recebem bolsas de estudo do CNPq, caso atendam aos critérios normativos do órgão, descritos no site http://www.cnpq.br/bolsas/. Os pesquisadores classificados em primeiro lugar em cada uma das categorias (Graduado, Estudante do Ensino Superior e Estudante do Ensino Médio) também participarão de Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), em 2012.

Histórico Prêmio Jovem Cientista

Criado em 1981, o Prêmio Jovem Cientista tem o objetivo de incentivar a pesquisa no país e é considerado, pela comunidade acadêmica, um dos mais importantes reconhecimentos aos cientistas brasileiros. A entrega da premiação é feita pelo presidente da República e reúne na cerimônia autoridades governamentais da área da Ciência e Tecnologia, além de respeitados nomes da ciência brasileira. A XXV edição do Prêmio, que trata do tema “Cidades Sustentáveis”, é fruto de uma parceria entre o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), a Fundação Roberto Marinho, a Gerdau e a GE.

Os temas escolhidos são sempre de interesse da população e buscam soluções para problemas nacionais. Alguns dos assuntos abordados em anos anteriores foram: “Qualidade dos alimentos e saúde do homem”, “Reciclagem de rejeitos industriais”, “Saúde da população e controle de endemias”, “Oceanos: fonte de alimentos”, “Saúde da População – controle da infecção hospitalar” e “Educação”. Mais informações no site: www.jovemcientista. cnpq.brou pelo Twitter: @jovemcientista.

Números do PJC de 1981 a 2010:

17.000 trabalhos inscritos

167pesquisas premiadas

Mais de 150bolsas de estudos concedidas

Cerca de 3.300instituições de ensino e pesquisa mobilizadas na divulgação

Cerca 26.000escolas de ensino médio mobilizadas na divulgação

Para mais informações:

Approach

Amanda Nunes – amanda.approach@frm.org.br – (21) 3232-8862 |8899-3929

Andressa Camargo – andressa.approach@frm.org.br – (21) 3232-8801 | 8862-3188

www.approach.com.br

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca