SERVIDORES DO ESTADO PROTESTAM CONTRA ATRASOS DE SALÁRIOS

 Por SINSP/RN23:46:00  0 Comentarios 

Os servidores do Estado do Rio Grande do Norte realizaram um ato unificado na manhã desta segunda feira (5), em frente a governadora, em protesto ao atraso do pagamento.

Desde janeiro deste ano, o Governo não cumpre a lei estadual que determina o pagamento da folha de pessoal, seja efetuada até o trigésimo dia de cada mês. O governo inicia o pagamento no dia 30, para algumas secretarias que possuem recursos próprios e as demais recebem em datas diferentes, nos últimos meses alguns servidores receberam no décimo sétimo dia do mês seguinte. Este atraso vem causando muitos transtornos aos servidores que pagam suas contas com juros.

Com o agravante de que algumas categorias, como os servidores da administração direta, não recebem reajuste salarial a seis anos, acumulam perdas que ultrapassam 50% dos seus vencimentos e agora estão pagando juros nas despesas mensais. Muitos servidores e pensionistas recebem apenas um salário mínimo, que dependem deste salário para sobreviver. 

Centenas de servidores participaram do protesto com faixas e cartazes pedindo respeito aos servidores, e foram recepcionados com grades e cadeados cercando a rampa de acesso à Governadoria.

Já no início da tarde, uma comissão composta pelo sindicatos: SINSP, SINAI, SINPOL, SINDASP, SINDSAÚDE, Associações de Bombeiros e Polícia Militar, foi recebida na governadoria para uma audiência com os secretários de estado: Chefe da Casa Civil do Estado, Tatiane Cunha Mendes, Cristiano Feitosa (SEARH), Gustavo Nogueira (SEPLAN) e Juliska Azevedo (SECOM).

Na reunião cada um dos representantes dos sindicatos pôde falar sobre as dificuldades enfrentadas devido ao atraso no pagamento dos salários. Afirmaram que todas as categorias estão unidas e pedem uma greve geral, caso o Governo não se comprometa em cumprir do calendário de pagamentos, sempre ao final de cada mês.

Uma das proposta apresentada, é uma reivindicação antiga do Sinsp. A criação de uma comissão para analisar os gastos do Governo com pessoal. "Precisamos ter clareza e transparência dos gastos com a folha de pagamento, sabemos que o país vive um momento de crise,  mas juntos podemos encontrar soluções que não penalizem apenas o servidor." Janeayre Souto (Presidente do Sinsp RN).

A secretária do Gabinete Civil justificou o atraso do pagamento, dizendo que houve redução na arrecadação do Estado e que não há verba em caixa para honrar as datas. Apesar da melhoria na tributação, a arrecadação não é o suficiente para cobrir os gastos. O RN é a terceira maior taxa de  desemprego do país.

O Governo acatou a sugestão de criar uma comissão onde cada sindicato indicará um membro. Este grupo se reunirá periodicamente para analisar os gastos do governo com pessoal, mas sinalizou que os pagamentos continuarão sendo feitos parceladamente, segundo a Secretária, a escolha do Estado foi pagar primeiro aqueles que recebem menos.

Até agora não há previsão de pagamento para os pensionistas, mesmo após a audiência, o Governo não se posicionou sobre uma data, de acordo com o Secretário de Planejamento, Gustavo Nogueira, após o dia 10, daria uma previsão.

Esta atitude do Governo do Estado, apenas comprova a falta de compromisso desta gestão com o servidor, que além de trabalhar em situação precária agora estão pagando para trabalhar, acumulando dívidas pois não possuem a garantia de quando receberão o seu pagamento resguardado por lei.

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca