A REAL SITUAÇÃO DOS SERVIDORES: ATIVOS, APOSENTADOS E PENSIONISTAS

O governo do Estado insiste em dizer que está pagando em dia os salários dos servidores e nós sabemos que não está. O salário está sendo pago dentro do mês. Porém, existem duas folhas de salários atrasados: 13⁰ e dezembro de 2018.

Em virtude disso, os servidores se socorreram do Empréstimo Consignado. O SINSP vem recebendo denúncia de que o Governo do Estado está descontando no contracheque dos servidores a parcela desses empréstimos e não está repassando para os bancos. E com isso os bancos estão enviando cartas, ligando, constrangendo os servidores. E muitos já estão negativando os servidores no sistema financeiro.

SAIBA MAIS..

Assista ao vídeo

Não podemos aceitar que o governo do estado se negue a negociar com os bancos a suspensão do desconto do consignado no contracheque do servidor enquanto durar a pandemia mundial. Coisa que até o judiciário já se mostrou favorável.

Sabemos que essa pandemia trouxe o aumento do custo de vida das pessoas, aumentando o custo com alimentação, saúde, com energia, com água, com gás de cozinha. Sem falar na família do servidor que tem hoje um filho, uma filha, um genro ou uma nora desempregada ou que teve o seu salário reduzido. Por isso que a suspensão do desconto do consignado, no contracheque do servidor é urgente.

error: Conteúdo protegido para cópia.
Menu e Busca